domingo, 12 de novembro de 2017

Sweet chilli

Tantas saudades que tenho deste meu cantinho, mas está difícil de gerir o tempo, a vida da voltas que nós nem pensamos e de repente os outros podem depender de nós temos de saber gerir as 24h, que passaram a ser pouco para mim...
Mas aqui estou, para partilhar a receita prometida.



Sweet chilli de Natal

300 gr de açúcar
2 colheres de sopa de mel
375 ml de vinagre de arroz
1 pedaço de gengibre fresco do tamanho do dedo mindinho
7 dentes de alho grandes
6 malaguetas chilli, 3vermelhas e 3 verdes.



Começamos pelas malaguetas
Corte as malaguetas a meio na vertical e limpe as sementes. Pique depois com a ajuda de uma faca, de maneira a ficar finhinho. ( use luvas, porque se não os dedos vão ficar bem picantes).
Com um ralador, rale o alho e o gengibre.
Num tacho coloque o vinagre, o açúcar e o mel. Deixe ferver em lume baixo mais ou menos 5 minutos. Ao fim desse tempo acrescente os ingredientes picados e ralados e deixe cozinhar mais 6 a 8 minutos.
Assim que estiver pronto, guarde em frasquinhos fervidos, coloque de cabeça para baixo como se fosse uma compota, depois é decorar e fica uma prenda linda para oferecer no natal.
Dá para guardar durante meses, se não houver comilões como os cá de casa que comem sweet chilli  com tudo,  seja carne ou peixe grelhado, ontem até as tostas mistas foram barradas com o molho.

terça-feira, 13 de junho de 2017

Solero de pesto

Eu adoro trabalhar com estas massas, nunca faltam cá em casa.
Desta vez saiu uma entrada deliciosa para servir nestes dias de calor.
Fica a  sugestão para o feriado... 


Solero de pesto

2 bases de massa folhada redonda
Molho pesto qb
6 fatias de paio de york
2 fatias de fiambre de peru

Barra-se uma base de massa com molho pesto, depois coloca-se as fatias de paio e de fiambre, tapa-se com a outra base de massa folhada.

Coloque ao centro da massa um copo e com a ajuda de uma tesoura de cozinha corte do exterior até chegar ao copo, faça 4 cortes como fosse fazer em Cruz.

Depois torne a cortar do exterior até ao copo entre os cortes interiores, ficando assim com 8 partes iguais, torne a cortar a massa e fica com 16 pedaços, agora é só torcer da direita para esquerda.

Quando estiverem todos os pedaços torcidos, retira-se o copo e pincela esse meio com clara de ovo e polvilha com sementes Sésamo.

Vai ao forno a 180*c até a massa ficar cozida.
Serve-se com uma taça de coulis ao lado para poder molhar os pauzinhos folhados.

Para o coulis 
1 embalagem de filadelphia
1 colher de café mal cheia de alho em pó
Pimenta moída qb
2 colheres de sopa de cerveja 
Oregaos qb

Mistura-se tudo e coloca-se numa tacinha.




terça-feira, 11 de abril de 2017

Pikles de beterraba

Muito trabalho na páscoa, mas aqui estou com energias renovadas. 
Vamos aproveitar as beterrabas, uma ideia espetacular e fica uns frasquinhos lindos para oferecer.


Pikles de beterraba.

500 gr de açúcar de beterraba
1 cebola grande
 200 ml de vinagre de sidra
30 g de sal;
130 g de açucar
1 colher de sobremesa de sementes de mostarda
1 colher de sobremesa sementes de pimenta preta 
 450 ml de água.
2 folhas de louro 
Preparação: 

Descasque as beterraba se corte em rodelas com 4 a 5 mm de espessura .
Corte a cebola com a mesma espessura.
 Num tacho coloque os grãos de pimenta, de mostarda, a água, adicione sal, folhas de louro e açúcar, quando começar a ferver coloque a beterraba e a cebola e deixe ferver durante 2 minutos, retire o tacho do lume. Coloca se em frascos fervidos mas deixe o líquido até meio do frasco, encha o resto com o vinagre .
Feche os frasquinhos  com tampas e vire de cabeça para baixo até arrefecerem e pronto, beterraba em conserva.
Deve guardar num lugar escuro e fresco. Pelo menos 15 dias... Se for capaz .

domingo, 19 de março de 2017

Bolo de pastinaca

Uma experiência da minha cozinha, que obteve um ótimo resultado.
Ficou lindo, com um sabor místico, espero que experimentem.

Bolo de pastinaca

2 chávenas e meia de farinha
1 colher de sopa de fermento em pó
1 chávena e meia de açúcar
4 ovos
Meia chávena de margarina derretida
3 pastinacas grandes
3 colheres de sopa de granulado de chocolate

Para a calda de chocolate:
4 colheres de chocolate em pó
1 colher de sopa de margarina
4 colheres de água 

Bata no processador  a margarina, os ovos, as pastinacas (picadas) e o açúcar.
Coloque a mistura anterior numa tigela, acrescente a farinha e o fermento e misture bem.
Coloque a massa em uma forma untada com óleo e farinha de trigo.( eu usei spray para formas).
Vai ao forno cerca de 40 minutos a 180*c

Calda:
Coloque todos os ingredientes num tachinho e leve ao lume no mínimo mexendo até ficar  tipo de calda.
Desenforme o bolo, deixe arrefecer cerca de 10 minutos. Faça uns fuinhos  com um pauzinho de espetada no bolo e verta a calda por cima.

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Suflê de chocolate

Eu juro que estavam lindos, mas demorei tanto tempo a tirar as fotos que foram abaixo, mas continuaram deliciosos.
Assim fechamos uma ementa bem romântica.

Suflê de Chocolate

3 gemas
50g de açúcar
70g de manteiga
80g de chocolate em barra
3 claras
 Uma pitada de Sal 
Pimenta Rosa qb


Coloque o chocolate e a manteiga a derreter no microondas, vá desligando e mexendo para não queimar.
Bata as gemas com metade do açúcar até ficar um creme esbranquiçado.
Misturar o creme ao chocolate derretido com a manteiga.
bata as  claras com a batedeira com uma pitada de sal.
Comece por bater devagar e vá aumentando a velocidade ao poucos, até ficar um creme firme e brilhante. Adicione o resto do açúcar.
Comece a adicionar as claras ao chocolate, Coloque aos poucos as claras, envolvendo do centro para fora.
Pincele os 
ramekins em que vai servir o suflê com manteiga e polvilhe com açúcar.
Com uma concha, coloque a mistura nos 
ramekins.
Vão a cozer durante 15 minutos no forno pré aquecido a 150ºC. Desligue o forno mas não retire logo, por causa do choque térmico.
sirva com uma bola de gelado de baunilha e polvilhe com pimenta rosa.



sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Pasta com frutos do mar

E chegamos ao prato principal... Uma maravilha.
A massa pode ser feita com antecedência e congelar, na altura coloca a em água a ferver temperada de sal e um fio de azeite. durante 2 a 3 minutos.


Pasta com frutos do mar



Pasta fresca de coentros

200 gr de farinha tipo 65
50 gr de farinha de espelta
2 ovos
50 gr de coentros  
2 dentes de alho
Sal qb

Coloque no processador os coentros e os alhos, ligue no máximo até ficar bem picado, depois adicione a farinha, misture muito bem e adicione os ovos um a um e uma pitada de sal, deixe o processador trabalhar até formar una bola.
Retire coloque numa bancada polvilhada de farinha e amasse um pouco, forme uma bola envolva numa película aderente e deixe descansar cerca de 30 minutos.
Depois com ajuda de uma máquina para pasta fresca passe várias vezes até ficar bem fina e corte em taglitelle. Reserve.
Na devida altura coloque água a ferver com sal e um fio de azeite e coza a massa durante 2 a 3 minutos.

Molho com frutos do mar

200 gr de amêijoas 
200 gr de mexilhões 
200 gr de lingueirões 
200 gr de miolo de camarão 

Abra separadamente os mariscos a bulhão pato, retire as cascas ( reserve alguns com casca para decorar).
Reserve o caldo á bulhão pato.


Agora vamos preparar o molho com frutos do mar.

1 cebola pequena picada
1 dente de alho picado 
2 colheres de sopa de azeite
1 colher de polpa de tomate
100 ml d natas 
1 colher de sopa de caril
Caldo á bulhão pato qb
Coentros picados
Molho tabasco qb

Numa caçarola faz-se um refugado com a cebola, o alho e o azeite.
Quando a cebola estiver dourada adicione um pouco de caldo, a polpa de tomate, depois o caril deixe ferver, adicione depois as natas, o tabasco.
Retifique os temperos, adicione os mariscos envolva e polvilhe com os coentros picados.
Coloque a massa em 2 pratos adicione o molho dos frutos do mar e decore com os mariscos que reservou com casca, pode polvilhar com mais coentros picados e sirva a sua cara metade, vai ver que valeu a pena...


quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Vieras gratinadas

Uma sugestão de entrada deliciosa...
Ninguém vai resistir .

Vieras gratinadas 

200 gr de vieiras congeladas
1 colher de sobremesa de manteiga de ervas
Sal e pimenta qb
1dl de espumante
2 colheres de sopa de natas
2 colheres de molho bechamel
2 folhas de massa filo 
Queijo parmesão ralado.


Coloque numa frigideira a manteiga a derreter, de seguida adicione as vieiras temperadas de sal e pimenta.
Deixe cozer durante 2 minutos de cada lado, retire e reserve.
Adicione na frigideira o espumante depois as natas e depois o bechamel, deixe apurar deve ficar com um molho grosso.

Corte 1 folha de massa filo em 4 e coloque num ramekins untado com margarina, coloque um quadrado de cada vez, com as pontas desencontradas , repita o processo com outro ramekins.
Coloque as vieiras lá dentro depois divida o molho pelos dois remicans e polvilhe com o queijo parmesão. Leve ao forno a gratinar e sirva.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Kir royale

Bom dia... Bom dia, depois de uma ausência tão grande vou recompensar com muitas betisses, mas não pensem que  tenho estado parada, pelo contrário muito trabalho no natal, muitas encomendas.
Agora está mais calmo...
Vou começar com uma deliciosa ementa para o dia dos namorados.
Vamos preparar o apitivo...

 kir royale


1 cl de creme de cassis
Espumante qb
Dois morangos para decorar

Colocar em cada flute o creme de cassis e encher de espumante que deve estar de preferência fresco.
Depois é só decorar com os morangos.